Você está aqui: Biografia Presidente

Presidente

 

presidente_tancredo_nevesPresidente eleito, Tancredo Neves fez uma série de viagens internacionais, entre janeiro e fevereiro de 1985, a fim de se encontrar com líderes de outros países e buscar apoio para o caminho democrático escolhido pelo Brasil. Esteve com Ronald Reagan (presidente dos Estados Unidos), François Miterrand (presidente da França), Sandro Pertini e Bettino Craxi (presidente e premier da Itália), Juan Carlos e Felipe González (rei e primeiro-ministro da Espanha) e Ramalho Eanes e Mário Soares (presidente e primeiro-ministro de Portugal). Também foi recebido pelo papa João Paulo 2º, no Vaticano. Em 12 de março, anunciou o ministério da Nova República. Na véspera da posse, em 14 de março, ao lado de seus familiares, Tancredo Neves assistiu a uma missa em ação de graças.


Na madrugada seguinte, depois de sentir fortes dores abdominais, foi submetido a cirurgia de emergência, no Hospital de Base de Brasília. Em 26 de março, deu-se a sua transferência para o Instituto do Coração (Incor) do Hospital das Clínicas de São Paulo, na capital paulista.


O hospital se converteu em local de visitação de milhares de pessoas, em manifestações comoventes de fé e solidariedade pelo seu restabelecimento.


Depois de sete cirurgias nesses 34 dias de hospitalização, Tancredo Neves faleceu na noite de 21 de abril. Cerca de dois milhões de pessoas acompanharam o cortejo fúnebre em direção ao aeroporto de Congonhas, na capital paulista.


Em Brasília, o corpo foi velado no Palácio do Planalto. Em Belo Horizonte, uma multidão esteve no Palácio da Liberdade para o último adeus. No dia 24 de abril, o corpo de Tancredo Neves foi enterrado em sua terra natal, São João del-Rei, no cemitério da Igreja da Ordem Terceira de São Francisco.