Você está aqui: Livros O afeto que nos toca

Andrea Neves da Cunha


Sentimento e emoção, reconhecimento e compromisso. Estas são marcas que saltam deste livro que se apresenta, antes de tudo, como um registro afetivo de um período importante da história brasileira.


Aqui se homenageia a memória de um homem que dedicou sua vida à construção de um sonho de País. Na travessia empreendida por este visionário impregnado de paixão e fé, sonhamos todos os brasileiros.


Tancredo Neves nos deixou uma saudade sem tamanho. Um homem raro, moldado para o país que tanto amou e ao qual se dedicou, por uma vida inteira, com coragem e extrema coerência.


Não há nas páginas seguintes qualquer pretensão de trazer à tona novas revelações ou aprofundar antigas análises. O que se celebra aqui é o exercício de uma prática política calcada em princípios de ética e moralidade, de humanismo, lealdade e civilidade.


Nascido e criado em São João del-Rei, Tancredo Neves nunca se esqueceu do menino que brincava pelas ruas centenárias, ouvindo os sinos das igrejas em diálogo quase incompreensível, mas comovente. As lições aprendidas em família, no ambiente esplendoroso da cultura barroca e das ideias liberais, lhe serviram para toda a vida.


Tancredo nos deu, a todos que tivemos o privilégio de estar ao seu lado, companheiros de jornada, amigos, familiares e, em especial, a nós, seus netos, um cotidiano rico em exemplos e momentos inesquecíveis, marcados pelo bom humor, pela generosidade no trato e firmeza de opiniões.


Neste sentido, a carpintaria refinada do seu estilo de fazer política escondia um homem simples, fiel à suas crenças, inflexível em seus valores. Tancredo Neves viveu, lutou e morreu por uma causa: a de contribuir, com o exercício pleno da política, para a construção de um país cada dia melhor.


O livro que se abre agora vai em busca deste homem extraordinário.


Aqui estão os momentos mais expressivos de sua vida – da infância corriqueira aos grandes momentos da cena nacional dos quais a história o elegeu protagonista, antes de voltar ao repouso final, em sua terra. Não se trata de uma biografia – entendida no seu sentido formal – ou mesmo de uma fotobiografia. Neste trabalho, fotos e documentos reproduzidos na íntegra, jornais de época, bilhetes e cartas, peças de campanhas eleitorais e objetos diversos se somam para revelar, em páginas que se desdobram em pequenas delicadezas, uma trajetória que nos fala diretamente à memória e ao coração.


Este livro é acompanhado de outro, com os textos de importantes discursos por ele proferidos, um CD que resgata a força e emoção de sua oratória e um caderno de charges protagonizadas por Tancredo – ele, que sempre recebeu com humor a irreverência dos artistas.


Página a página, buscamos tecer um enredo que ainda hoje emociona e surpreende o País. A imagem de homem público que ele nos legou cativa a memória dos brasileiros de várias gerações. As razões desta presença que o tempo apenas reforça são muitas. Porque é impossível esquecer uma história como esta que aqui contamos. Porque poucos amaram tanto o Brasil. E porque poucos, como ele, deram forma e conteúdo tão consistentes ao que é, antes de tudo, sentimento. A este legado de dedicação e despreendimento, só o afeto é capaz de responder.