Você está aqui: Clipping Tancredo Preferia Fazer Acordo a Derrotar o Adversário, diz Aécio Neves

Tancredo Preferia Fazer Acordo a Derrotar o Adversário, diz Aécio Neves

Folha Online – 04/03/2010


FÁBIO RODRIGUES


O presidente Tancredo de Almeida Neves, que completaria 100 anos nesta quinta-feira, é lembrado pelo neto, o governador Aécio Neves (MG), como um homem de diálogo e com grande espírito conciliador. Segundo Aécio, seu avô sempre preferia um bom acordo a derrotar um adversário.


"A sua capacidade de articulação permitiu à nossa geração viver hoje em um país plenamente democrático", diz Aécio em entrevista à Folha Online.


Nascido em São João del-Rei (MG) no dia 4 de março de 1910, Tancredo foi deputado federal, senador e governador de Minas. Também passou pelo gabinete ministerial de Getúlio Vargas --no período democrático-- e ocupou o cargo de primeiro-ministro no curto período parlamentarista que o Brasil teve, no início dos anos 60, no governo de João Goulart.


Tancredo foi eleito presidente pelo Colégio Eleitoral em março de 1985, após comandar pela segunda vez o governo de Minas Gerais. O fato marcou o rompimento de quase 21 anos de regime militar no país, que teve início em 31 de março de 1964.


Leia mais em: Tancredo preferia fazer acordo a derrotar o adversário, diz Aécio Neves