Você está aqui: Clipping O discurso de Tancredo que nunca aconteceu

O discurso de Tancredo que nunca aconteceu

O Globo Online - 18/04/2010


LUDMILLA DE LIMA


RIO - Depois da maratona política em Minas, José Serra e Aécio Neves se encontram novamente, à noite, nesta segunda-feira, no Rio. Os dois estarão na abertura da mostra "Centenário de Tancredo Neves", no Museu Histórico Nacional.


O evento marca, também, o lançamento de "Tancredo: O Verbo Republicano", com organização do jornalista Mauro Santayana. O livro traz, entre outros, um discurso sobre liberdade e justiça social que poderia ter entrado para a história como um marco da redemocratização. Mas, quis o destino que ele nunca fosse proferido. No dia 15 de março de 1985, na sua posse como presidente da República, Tancredo iria propor aos trabalhadores a renegociação de um pacto social em prol da reorganização da economia, assim como falaria sobre os perseguidos no regime militar. O texto, de Mauro Santayana, nunca foi lido: Tancredo foi internado na véspera da posse, morrendo em 21 de abril.


Leia mais em (link para assinantes): O discurso de Tancredo que nunca aconteceu